Enfermagem Solidária retorna para atendimento de apoio emocional

Atendimentos serão realizados de forma gratuita através do CofenPlay, das 07h às 00h

01.09.2023

Após três anos desde que esteve no ar pela primeira vez, o Programa Enfermagem Solidária está de volta para fornecer apoio emocional para enfermeiros, técnicos, auxiliares, estudantes e membros do Sistema Cofen/Conselhos Regionais. Mais prático do que nunca, agora o atendimento será realizado por meio da multiplataforma CofenPlay.

“Estamos vivendo no século do sofrimento emocional e da depressão, e com isso, é sempre importante priorizarmos a saúde mental, especialmente devido às transformações no nosso estilo de vida e avanços da tecnologia que afetam a nossa sociedade de diversas maneiras”, afirma a coordenadora da Comissão de Saúde Mental do Conselho Federal de Enfermagem (Conaesm/Cofen), Dorisdaia Humerez.

Os interessados em receber acolhimento poderão acessar a plataforma, de forma gratuita, a partir de 1º de setembro. Profissionais voluntários que compõem a equipe de atendimento estarão disponíveis todos os dias, das 7h à 00h.

Para a presidente do Cofen, Betânia Santos, o retorno do programa é uma escuta atenta para apoiar a categoria em momentos difíceis. “O retorno da Enfermagem Solidária reitera nosso compromisso contínuo com a saúde mental, não apenas dos profissionais da Enfermagem, mas agora abrangendo estudantes e membros do Sistema Cofen/Conselhos Regionais. Em um mundo em constante evolução, a Enfermagem permanece como uma âncora de apoio, mostrando que estamos aqui para cuidar daqueles que cuidam de nós”

Os atendimentos são conduzidos sob absoluto respeito à privacidade e a confidencialidade dos profissionais que buscam apoio emocional. Além disso, o programa oferece a possibilidade de escolha anônima do profissional pelo qual deseja ser atendido, garantindo que preocupações e sentimentos pessoais possam ser compartilhados com confiança e discrição.

“É crucial promover a conscientização, a educação e a criação de um ambiente de apoio para a saúde mental. Isso envolve não apenas cuidar de si mesmo, mas também estar atento aos outros e oferecer apoio quando necessário”, conclui Dorisdaia.

Fonte: Ascom – Cofen

Compartilhe

Outros Artigos

Receba nossas novidades! Cadastre-se.


Fale Conosco

 

Conselho Regional de Enfermagem de Goiás

Rua 38 nº 645, Setor Marista, Goiânia, GO, 74150-250

(62) 3239-5300

E-mail geral: corengo@corengo.org.br | Para negociação: boleto@corengo.org.br


Horário de atendimento ao público

segunda à sexta-feira, de 8h às 17h e sábado, de 8h às 12h

Loading...